Orientalismo e novas versões do quimono japonês

Olhando alguns desfiles das semanas de moda internacionais vi muitos dos tradicionais quimonos japoneses sendo reinterpretados, utilizados como casacos e com recortes bem diferentes (algumas vezes). Imediatamente fui levada ao período de Belle Époque e o Orientalismo – que enquanto “ciência” servia como ferramenta legitimadora da colonização.

A arte, principalmente o teatro, insere esses artigos Orientais no gosto dos, digamos, mais atualizados de uma maneira mais evidente, e com isso surge a moda de usar objetos decorativos, vestimentas e acessórios com essas influências. É nesse início do Séc XX que surge a tendência de turbantes, penas, sapatinhos pontudos e os famosos quiminos, criados principalmente por Poiret. Fazendo grandes damas da sociedade se vestirem como as exóticas moças orientais, consideradas objetos de exploração.

E ainda hoje, com megalópoles cada vez mais miscigenadas e globalizadas ainda temos bastante desse olhar sobre o Oriental: o exótico e nonsense. Cortes diferenciados, cores vivas, modelagens pouco convencionais e mais lineares para nossos olhos ocidentais, e, além de tudo tem um quê de conforto – no caso dos quimonos – são o que essas versões inéditas nos mostram. Uma mulher moderna, feminina, porém linear e segura para gerir essa situação de crise européia. 

collage-orientalismoPoiret, 1913 

Etro, verão 2013 (Foto: Marcio Madeira)Etro, Verão 2013

Emilio Pucci, verão 2013 (Foto: Marcio Madeira)

Emilio Pucci, Verão 2013

As opções desfiladas pela Hermès e por Haider Ackermann (Foto: Marcio Madeira)

Hermés e Haider Ackermann, Verão 2013

Prada, verão 2013 (Foto: Marcio Madeira)

Prada, Verão 2013

Então, se virem por aí em algum brechó, ou pelas araras das lojas algo com Orientalismo, sendo quimonos ou não, peguem porque é certeiro, do inicío do século XX ao começinho do XXI (1913-2013) ele tá fazendo a cabeça dos estilistas!

PS.: Só eu achei esse vestido amarelo do Poiret a cara da Florence, vocalista do Florence and The Machine?  hahahha

Anúncios

4 opiniões sobre “Orientalismo e novas versões do quimono japonês

  1. Amei esse segundo quimono, é quase um vestido longo *—* eu usaria! hahaha a cultura oriental é sempre tão rica em detalhes, tão lindas, e com o passar das decadas as mulheres orientais tem liberdade passa serem criativas e até mesmo “mais ousadas” em seus trajes, mas essa elegância de um quimono é simplesmente lindo e delicado, amei! gostei do seu blog tbm! lindo =D bjs.

  2. Nossa, esses estilistas tem uma criatividade absurda né..de reinterpretar algo assim, ficou demais! 🙂
    E tu não foi a única, também imaginei a Florence toda bela nesse vestido.. hahahaha

    Bom feriado!

  3. Menina, adorei saber disso tudo! Não sei nada de história da moda e sempre me surpreendo quando vejo alguém falando algo sobre. Tenho namorado bastante os quimonos, mas o preço tá meio salgado, né? Vou procurar nos shing-lings que devo encontrar mais opções!
    :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: