5 “coisas” que eu não dou a mínima

Quase um mês depois retorno ao blog. Sem muitas ideias uma tag me socorreu. Lendo os amigos encontrei a lista da Raquel e resolvi fazer porque né, precisamos de polêmicas de vez em quando. Eu vou pela ordem das maiores, para menores polêmicas, acredito eu. Nem tudo que está na lista são coisas, por isso coloquei entre aspas, mas são assuntos que eu realmente não dou a mínima – e às vezes até evito o assunto pra “evitar a fadiga hahaha:

Gosto de Canela - 5 coisas que não dou a mínima

1. Beyoncè

Já vejo gente boquiaberta, mas é a realidade. Já gostei muito da Beyonce na fase “Sasha Fierce” dela, cantando Single Ladies etc, mas me cansei dos shows parecidos, dos figurinos de patinadora no gelo, albuns que não são lá essas coisas… Um empoderamento meio coreografado, não sei explicar amigos, nem o clipe de 7/11 me parece expontâneo, não sei. Sei algumas letras, me divirto numa festa, mas não passa disso. Beyoncé me convence mais não.

2.  Taylor Swift

Todo mundo adora essa garota, mas a única coisa que vejo nela é uma menina com letras que não me dizem nada. Olho pra ela e penso: “mais uma menina loira, magra, tédio, vou trocar de canal”. As músicas grudam na cabeça, não me dizem nada, não me anima, não me faz pensar, não me faz nada, só passo raiva pq acho que ela deveria ter continuado no country de onde ela nunca deveria ter saído. Tenho nada contra quem gosta dela, mas não consigo ir na dessa garota.

3.   Armário-Cápsula

Juro que pensei em fazer. Quando no início do ano, lá em Fevereiro, vi num comentário aqui no blog eu pensei em fazer, mas aí, abri minhas malas e vi que já vivia com 33 peças de roupa, então desisti, fui refletir mais sobre isso e me dei conta que:

não quero mais uma idéia americana (conheci o método através de uma americana) pra resolver meus problemas brasileiros; minha vida já tem muitas regras, não quero mais; viver com pouca roupa não é fácil quando se passa 12 horas na rua, 6 vezes por semana; ninguém conta sobre suas roupas estarem surradas e você não ter dinheiro pra comprar roupas novas mesmo se planejando (não é tão simples quanto parece comprar roupa a cada estação) e, por fim, acho que isso só serve pra quem é viciada em compras e por um tempo determinado. Viver com esse controle/planejamento todo tem que ter muito tempo e no meu eu só penso em dormir.

4.   Estados Unidos

Sério, gente. Tenho a menor vontade de ir morar lá, conhecer os EUA etc. Acho que somente algumas cidades e sei lá, não passaria meses em Intercâmbio como muitos fazem. E muitos dizem: “Nossa, nem Disney?”. Não. Nem Disney.

5.   Vida Fitness

Quem faz isso, parabéns. Eu não faço e parabéns pra mim também. Não tenho paciência pra ver como as pessoas treinam nas academias e não quero me obrigar o comer o que não gosto. Não acho que tô comendo mal, tô com a mente saudável, então não me venham dizer que tô doente porque eu como coxinha, não. Acho um saco isso de “carboidrato é vilão”, uma obsessão com parecer (repito, parecer) saudável, retardar envelhecimento… Não adianta, vai todo mundo ficar velho se não morrer jovem, gente. Aceitem.

BÔNUS

Como sou chata e dou a mínima pra muita coisa tomei a liberdade de dizer mais uma coisa que não dou a mínima e ficou empatada com a 5:

  • Coisas/Fotos/Sites Fofos

Sou exagerada e quero morrer depois de fechar a janela quando entro num “blog fofo” (eu achava que deveria existir uma categoria a parte para eles). Com o surgimento de um monte de blogueiras que gostam de fotografar “sonhos”, coisas fofas, brinquedos, estampas liberty pra todo o lado, fotos com tonalidades bem clarinhas, branquinhas, etc. Eu tomei pavor de coisa delicada demais tipo sapato com lacinho fofo, vestido fofo, estampa fofa, loja fofa, música fofa…Sou bruta, gente, combino com isso não. Só aceito coisa fofa num universo Dior, Valentino ou no da Vic Ceridono.

***

PS.: A tag foi ideia das meninas do GWS (e elas explicam de onde surgiu a ideia) e o primeiro post publicado com uma listinha dessa foi esse aqui! ❤

Espero que não me odeiem depois disso! hahahaha Se identificaram com algum? Quero saber de vocês também!


Gostou do post? Compartilha, dá um like no Facebook  ou sigam no Bloglovin  ♥

Anúncios

21 opiniões sobre “5 “coisas” que eu não dou a mínima

  1. POLEEEEEMICAAAAAAAA

    Amiga, vamos lá: Beyonce eu curto bastante, mas não coloco num pedestal. Não que eu não ache válido, muito pelo contrário. Acho incrível como as músicas dela conversam com algumas amigas minhas, e a admiro muito como pessoa. Só não sou assim tão fã nooooossa meu deus vou morrer. Não, sabe? Eu nunca coloco uma música da Beyonce pra tocar por livre e espontânea vontade, mas vou dançar e achar ótimo se alguém colocar. É mais ou menos isso. Já com a Taylor vivo um amor meio cego. Condeno muita coisa que ela faz, tenho muitas ressalvas sobre essa nova fase dela e tal, mas amo ela demais. Já quis tacar o cd dela pela janela, já quis mandar ela pro inferno com essa mania de ser escrota, mas amo, sabe assim? Não faz sentido, mas é a vida. E as letras dela conversam muito comigo, mesmo, principalmente as do último cd. Inclusive, não sei se você viu, mas o Ryan Adams fez uma releitura das músicas do 1989 e uma coisa que me deixou bem triste foi ver muita gente falando que ele tinha transformado as letras dela numa parada legal, sendo que as letras continuavam as mesmas. Eu entendo uma pessoa dizer, como você fez, que não curte, não se identifica, mas me descaralha as ideias alguém vir dizer que ah isso é aceitável porque não é pop, nossa música pop o horror dos nossos tempos. Não. (Não sei porque tô falando isso, mas enfim, desabafos).
    Sobre armário cápsula, sinceramente não aguento mais. Achei uma ideia bacana no início, mas hoje acho que a galera adere muito mais porque tá todo mundo entrando na onda do que por uma real conscientização. Acho que tem outras formas de se conscientizar, pra quem realmente está interessado nisso, e pra quem só quer ir na onda, basta comprar um monte de roupa básica? Sei lá? Porque né, não sei se só eu acho isso, mas a maioria das pessoas que eu vejo entrando na onda do armário cápsula está bem mais interessado em comprar um bando de roupa cinza mescla, nossa vejam como sou básica, do que ser coerente com o próprio estilo. ALIÁS, já que estamos falando nisso, uma amiga postou sobre isso esses dias e achei o texto bem legal. O blog dela chama Pudding, não sei se você leu o tal texto, se o conhece o blog, mas enfim, acho legal compartilhar essas coisas.
    Sobre os EUA, já tive bem mais pira, hoje não tenho tanta. Quero ir pra lá? Quero. Quero morar? Sim. Sou um clichê ambulante, afinal de contas. Mas ao mesmo tempo não morro porque ainda não coloquei os pés lá. Uma hora vai chegar, se for pra chegar, e tudo bem. Tem outros destinos enquanto isso. Agora vida fitness: dispenso. E coisas fofas, amiga, me abraça. Eu amo coisas fofas, acho legal e tudo, mas limites. Esse monte de blogueira fofa é um troço que amo odiar (aquelas çalskdlçaskdlçkalçdkçlkasd) porque sério, não. Não, não, não. Lógico, sempre tem quem salva (Vic poderá ser fofa pra sempre e continuará sendo a melhor pessoa), mas de um modo geral: não.

    beeeeeijo e por favor, poste mais. Sdds de vir aqui no seu blog. ❤

  2. Hahahahhaha ri horrores!
    Primeiramente, bem vinda novamente (?) haha.
    Segundo: concordo com muita coisa do que disse!

    Detesto a Taylor, e todo esse auge dela tá cansando minha beleza zZzz e beyoncé só era boa na época que era novinha, depois acabou se perdendo no meio de tanta fama e mesmisse..
    Sobre vida “fitness”, estava até comentando com um amigo meu essa semana, eu nunca gostei e sempre ri de quem era adepta a essa vida. Hoje, com minha saúde um caos, tento equilibrar algumas coisas. Não é fácil e mt gente não gosta, mas tô até que curtindo essa fase de tentar ser uma pessoa mais saudável!
    Beijão!

  3. HAHAHAH, rindo.
    Sobre 1 e 2 eu nem ligo. Se tô ouvindo rádio e começa a tocar B. ou a Ts, eu não mudo se estiver com bom humor e quiser alguma música mais divertida, ou mudo se não estiver com saco. Ainda assim, acho as duas bem lindas, principalmente a Bey.

    Sobre armário cápsula, no começo eu pensei em aderir, mas acabei que por preguiça acabei esquecendo da ideia. De qualquer forma eu acho a proposta bem legal, ainda mais em tempos de consumismo absurdo. Sabe? Eu tb tenho uma dificuldade em definir meu estilo e acabava sempre comprando coisas demais que ficavam largadas no armário – isso se resolveu porque fiquei 1 ano sem comprar nada e aí dei uma acalmada, mas ainda assim sinto que preciso definir melhor meu estilo e aprender a comprar coisas que combinem, e nesse ponto acho o AC uma boa pedida.

    Sobre EUA: eu tenho vontade de conhecer SIM, mas não a disney. HAHA aliás, acho que só gostava da disney quando era pequena mesmo, depois que cresci não vi mais sentido. Sou mais da vibe de natureza e tal, e lá no EUA (embora seja pouco falado) tem MUITA coisa incrível pra ser vista (as florestas no Colorado, os Cannyons, as praias da Califórnia, e enfim…) e tb tem NY, que embora não seja da vibe naturelover, ainda sim é uma cidade que me parece incrível pra ser descoberta ❤

    Sobre coisas fofas: eu gosto de fotos no estilo clean-fofo, mas não tenho paciência pra coisas MUITO fofas. Aquelas cheias de rosas, bonequinhas e mimimi HAHAHA

  4. Hahahahahaha adoreeeei a listinha, quero fazer uma tambem ❤ tenho que concordar com cantoras pop e cia, nunca consegui ser hiper maga fã – pra começar nem curto tanto o estilo musical, então n deu, desculp sociedade… mas o armario capsula vem me agradando cada vez mais. Ja entortei o nariz pra ideia, mas de um tempo pra ca tenho visto que ando tendo dificuldade pra usar tudo do meu armario, ando comprando muito mais do que uso e nao me sentindo bem em nada q uso. N custa tentar uma ideia nova ne? beijao!

  5. Para que armário capsulá se o meu já é assim a muito tempo. Também super concordo com você, as pessoas que devem fazer esse tipo de projeto, são essas viciadas em compras. E também não gosto muto de blogs fofos (que qualifico como vintage) acho que já passou a “modinha”, gosto de blogs limpos que tenha uma leitura agradável, ah mais também não gosto de nada emperequetado (se essa palavra existe). Bjos


  6. vim aqui só deixar esse coração pro post e ler os comentários porque, né?
    Mentira, quero só acrescentar que também não dou a mínima pros EUA. Não tenho a menor vontade de visitar e sempre acho que vou jogar dinheiro fora viajando pra lá. Inclusive, recebi um convite na semana retrasada para ir com a prima do meu namorado (com hospedagem de graça e etc) e na hora aceitei. Depois cheguei em casa e desisti hahahahaha Não rola. Quero ir pro Japão primeiro.

  7. Adorei essa postagem, já quero fazer, hahahaha.
    Sobre a Beyoncé, gostava muito na minha adolescência. Sério. Era um amor louco. Mas isso foi até o álbum B’day. Hoje em dia, sinceramente, está insuportável essa mesmice. Nunca dei a mínima para Taylor.
    Sobre os Estados Unidos, tenho muita vontade de conhecer, Nova York e as cidades do interior com aquelas casinhas lindas e lagos dos filmes, rsrs. Sobre vida fitness, nem me importo… Assim como amo comer hambúrguer, pizza, batata frita, chocolate, pipoca, também amo saladas e verduras, pães integrais e grãos. E vivo muito bem assim. Já os sobre os blogs fofos, apenas o da Melina Souza, e olhe lá, rsrs.

    Beijos! ❤

  8. Sobre o armário cápsula: APENAS parem. Menos regras, mais liberdade. Por favor.

    Sobre EUA: Só de pensar na audácia desses caras em selecionar quem entra e quem sai de acordo com regras esdrúxulas (já viu um formulário de solicitação de visto, que absurdo?) ~ me dá vontade de vomitar. Já conheci muitos países e tenho vontade ZERO de ir pra lá. “Mas nem Nova York? E os museus?”. Bitch, please. Tem museu no resto do mundo, sabia gente? (e eu já fui no Hermitage, então… hahaha!).

    Ingrid, sempre maravilhosa. ♥

  9. Deixei um comentário aqui e demorei tanto pra apertar em “publicar comentário” que ele sumiu HAHAHAHHA falo tudo pelo Facebook! 😛

  10. Nossa me identifiquei com tudo hahaha, Taylor Swift??? Nheeeeeeem…. Armário Capsula até acho o conceito interessante, só que não pra mim. Moro no RJ, não tem inverno aqui, eu uso vestido de verão em julho porque faz um calor desgraçado. Aqui só tem 2 estações do ano, verão e inferno, estamos saindo do verão e agora vai começar o inferno

  11. aiai você sendo polêmica como sempre hsuhesuheushe
    pra começar, obrigada por me mostrar essa tagzinha, to querendo fazer tags pra por no blog hehehehe
    Enfim, onde eu coloco pra assinar embaixo de tudo que você escreveu, sem tirar uma única vírgula?
    Cara, sim, eu acho que tem muito exagero por parte da taylor, não sei porque ela me lembra as coisas fofas que você fez um adendo hsehsu tipo, a mina é linda, fala bem, se veste bem mas eu olho pra cara dela com mais de dez segundos e estou assim: zzzz booooooooring.
    E também não curto os EUA, não tenho a mínima vontade de voltar, de ver de qual é. Tive uma má impressão muito ruim sobre eles. Talvez voltaria na disney por puramente questões de ‘montanha russa’, é o melhor custo x benefício shiuehsiuehsiuehsiuheiusheiushesiuh
    mas enfim, tá bem abaixo na minha lista de prioridades que, na real, com a posição que ocupa nem é prioridade huehsuehsuehsuheuehs

    Um beijo,
    Isabella
    The Urban Trends

  12. Já que você sugeriu… Aqui está a minha lista:
    1- Moda Fitness, dietas e shakes detox
    2- Fone de ouvido
    3- Filmes de terror
    4- Café
    5- Estampas florais

  13. confesso que to com uma preguiça do caramba pra comentar em blogs (e de fazer posts tbm), mas eu tinha que não dar a mínima junto nesses itens auhsuahsuahs

    Sou muito de fases com a Bey. Teve uma época que eu achava ela insuportável, depois comecei a curtir as músicas de novo e agr já me enchi tbm das mesmices. TaylorrrzzzzZZzzZZzZzZZzZ. Ela é a estampa do feminismo branco e antes disso eu tbm sempre a achei bem BLEH

    Esse armário cápsula até hoje eu não sei bem como funciona, cara, sinceramente e ainda não tive paciência pra ler sobre. Não tenho uma opinião formada =/

    Nunca tive vontade de ir pra Disney, mas gostaria de ir pros EUA e ficar por alguns dias. Meses tbm tô a fim não.

    Essa obsessão de quantas calorias tem tal coisa e blá blá blá eu repudio, cara. Sou a favor da pessoa comer oq quiser, foda-se, desde que não interfira negativamente e cause danos – que poderiam não ser causados – na vida de outro ser. Confesso que eu curto muito fazer atividade física pela sensação boa que ela me traz mesmo e em casa melhor ainda. Qnd eu fazia academia tinha cada perfil de gente besta que mds. Tinha um professor lá que nossa, muito trouxa.

    Fotografar sonhos, maaaaaano! Manooooo! MANO! céloko
    Me vem uma pessoa/blog em mente e uma ramificação de seres imitantes presentes nas interwebs. Simplesmente não aceito isso pra minha vida. Bjus de escuridão dessa vez =** kkkkkkk

    Pensei numa lista já de coisas que não dou a mínima. Pensando seriamente em fazer xD

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: